Davi e Golias na faixa de Gaza

Eu acho que todos os envolvidos neste conflito estão fundamentalmente errados! Uns mais outros menos. E não tem como evitar acusar os fundamentalistas religiosos de ambos os lados como os principais responsáveis.

Lamentável e inevitavelmente, o que vai prevalecer será o poder de fogo e não quem tem mais razão agora.

Para ficar registrado, faço um resumo das informações que coletei e termino com uma crônica.

De acordo com a Folha Online – Mundo – Saiba mais sobre a faixa de Gaza – 07/05/2008.

A faixa de Gaza é um território árido e retangular na ponta sudeste do Mediterrâneo, com cerca de 45 quilômetros de comprimento e 10 quilômetros de largura. O território está limitado, a norte e a leste, por Israel e, ao sul, pela península do Sinai (Egito).

A região é habitada por mais de 3.000 anos. …

O Império Otomano dominou Gaza durante centenas de anos até a primeira Guerra Mundial (1914-1918), quando o território tornou-se dominado pelos britânicos junto com o restante da Palestina. A área ficou sob controle do Egito em 1948, durante a guerra árabe-israelense que conduziu à criação do Estado de Israel.

A população da faixa de Gaza triplicou em 1948, quando absorveu um quarto das centenas de milhares dos refugiados palestinos expulsos das áreas que hoje fazem parte de Israel.

Cerca de 1,5 milhão de palestinos moram em Gaza, ….  A faixa de Gaza tem uma das maiores densidades populacionais e taxa de crescimento demográfico do mundo.

Faixa de Gaza
Faixa de Gaza

Localização: Oriente Médio, banhada pelo mar Mediterrâneo, entre o Egito e Israel.

Área: 360 km quadrados

População: 1,5 milhão (estimativa de julho de 2008 )

Religião: muçulmana (99,3%), cristã (0,7%)

Línguas: árabe, hebraico, inglês

PIB: US$ 5,3 bilhões [inclui a Cisjordânia] (2006)

Renda per capita: US$ 1.100 [inclui a Cisjordânia] (2006)

Fontes: CIA – The World Factbook e Reuters

via Folha Online – Mundo – Saiba mais sobre a faixa de Gaza – 07/05/2008.

O prêmio Nobel em literatura, o português/espanhol José Saramago escreveu uma bela crônica sobre o conflito entre os palestinos e Israel: Das pedras de David aos tanques de Golias parte 1 e parte 2. Ele termina com uma advertência que parece uma profecia:

… Israel ainda terá muito que aprender se não é capaz de compreender as razões que podem levar um ser humano a transformar-se numa bomba.

O comentarista Benny Morris é citado por em Bad Timing com o argumento de que o conflito tem motivações eleitoreiras do momento. Primeiro a transição de poder nos EUA, segundo uma eleição em Israel e terceiro uma eleição na faixa de Gaza.

Triste! Veja mais de 30 fotos do conflito:

Artillery shells explode above Gaza City on January 4, 2008, as seen from the Israeli side of the Israel-Gaza border. (PATRICK BAZ/AFP/Getty Images)
Artillery shells explode above Gaza City on January 4, 2008, as seen from the Israeli side of the Israel-Gaza border. (PATRICK BAZ/AFP/Getty Images)

3 opiniões sobre “Davi e Golias na faixa de Gaza”

Os comentários estão desativados.